Uma repórter e o câmara foram mortos esta quarta-feira (26) por um ex-colega de trabalho EM DIRETO. Os dois jornalistas trabalhavam no canal televisivo WDBJ do estado norte-americano de Virgínia e foram mortos por um ex-colega (que havia sido despedido por comportamentos agressivos no trabalho) alegadamente por racismo.

O assassino depois de matar os dois jornalistas acabou por disparar em si próprio e morreu mais tarde no hospital.

Segundo vários jornais, Vester Lee Flanagan (nome do assassino) cometeu este crime devido a comentários racistas por parte de Alison Parker (entrevistadora de 24 anos) e devido a uma denuncia que o operador de câmara fez uma vez quando trabalharam juntos.

*No vídeo pode ver primeiramente a morte em direto durante a entrevista e na segunda parte, um vídeo gravado pelo próprio assassino onde pode ver os tiros na direção da repórter.